A mágica de Marie Kondo: a guru que promete mudar sua vida

Em tempos de Acumuladores, é renovador ver Marie Kondo fazer tanto sucesso! Com seu discurso (e muita prática!) de desapego, viver com menos e valorizar o que tem, a consultora de organização japonesa ganhou status de guru nos últimos anos. Seu método promete ir além da arrumação da casa, promovendo uma organização da vida como um todo.

Quem é Marie Kondo

Aos 34 anos, Marie Kondo figura na lista das 100 pessoas mais influentes do mundo, segundo a Time Magazine. Seu livro, “A Mágica da Arrumação”, lançado em 2014, já vendeu 8 milhões de cópias no mundo. Sua série recém-lançada no Netflix, “Ordem na Casa”, é um sucesso. A carreira como organizadora profissional começou aos 19 anos, quando ainda estava na faculdade em Tóquio, mas seu interesse pela organização vem desde a infância, ganhando força e embasamento na adolescência, quando trabalhou em um templo xintoísta. Lá, conviveu de perto com a convicção da necessidade de descartar o supérfluo e ater-se aos itens essenciais para a vida.

É a partir dessa crença, associada a uma lógica própria, que Marie Kondo desenvolveu seu famoso método, o KonMari. Dentre os ensinamentos ela explica que sempre há troca de energias entre nós e nossos objetos. Sendo assim, a nossa energia pode dar vida ao objeto, assim como o objeto pode despertar sentimentos em nós.

Marie Kondo konmari

Pode parecer meio diferente e até mesmo surreal, mas vale a pena saber o que Marie Kondo fala e entender o fenômeno. Vamos lá!

A diferença

Ao contrário da maioria dos métodos de organização, o KonMari sugere que a organização da casa seja feita por categorias e não por cômodos. E que siga a seguinte ordem: em primeiro lugar, roupas, depois livros, papéis, objetos diversos e, por último, objetos com valor sentimental. Nessa fase do processo, você deve pegar os objetos e questionar a si [email protected] o que eles geram em você. Marie Kondo então ensina que se eles não despertarem alegria, não falarem com seu coração, devem ser descartados. Não antes de agradecê-los pelo papel cumprido e o tempo que foram úteis a você.

marie kondo

Raízes no Xintoísmo

A abordagem holística de Marie Kondo pode soar estranha para muitos, mas é muito bem fundamentada em sua origem. No Xintoísmo, filosofia que rege a espiritualidade japonesa, uma prática importante é honrar e celebrar o Kami, entendido como espírito ou essência que permeia tudo e todos, sem diferenciação. Sendo assim, objetos, lugares e pessoas são igualmente merecedores de respeito. Dessa forma, agradecer ao objeto que já não serve mais é honrar as mãos envolvidas em seu desenvolvimento, assim como a energia depositada em sua criação e produção.

marie kondo

O método

Para além da questão emocional do processo, o KonMari é especialmente rígido no que diz respeito ao cumprimento de etapas. Segundo Marie Kondo, é de extrema importância seguir todas as regras para ter o efeito esperado: transformar o lar em um espaço de serenidade e inspiração, livrando-se da bagunça, reduzindo quantidades e organizando de forma a ter exatamente o que precisa no lugar certo.

Sendo assim, aí vão as seis regras básicas do KonMari para simplificar e organizar sua casa de uma vez por todas:

Se comprometa com a organização – Faça todo o processo de uma vez e da maneira mais rápida possível

Imagine como seria sua vida ideal

Termine de descartar os objetos antes de seguir para a etapa da organização

Organize por categoria e não por cômodos

Siga a ordem certa – roupas, livros, papéis, objetos diversos, objetos de valor sentimental

Pergunte para você mesmo se te desperta alegria

 

E ela promete: se você simplificar e organizar sua casa uma vez, você não terá que fazê-lo outra vez.

marie kondo

A razão do seu sucesso

O caráter terapêutico de Marie Kondo parece ser a chave do seu sucesso. Só assim para explicar como uma tarefa considerada ingrata, exaustiva e angustiante para tantos ganhou status de fenômeno de estilo de vida. Associado a isso, o momento de caos generalizado no mundo justificaria uma maior necessidade de as pessoas buscarem se organizar internamente através da organização de suas coisas e de suas casas. E esse desejo encontra um lugar (muito organizado e limpinho) no KonMari.

marie kondo

“As habilidades que você constrói quando aprende a arrumar sua casa podem influenciar nas outras partes de sua vida de muitas formas positivas”

 Segundo Marie Kondo, ao limpar e organizar sua casa você garante um estilo de vida mais positivo e feliz como um todo.

 

Do Japão para a sua casa

Uma prova de que Marie Kondo merece o título dado a ela pela Time Magazine é a onda de novos influencers da limpeza no Instagram. Dedicados a mostrar suas rotinas de faxina e organização na rede, justificam seus esforços como maneira de alívio do estresse e de manutenção da sanidade.

E, de fato, há fundamento quando Marie Kondo diz que seu método transborda para outros aspectos da vida. Há evidências concretas que ambientes organizados melhoram a capacidade de pensar. Além disso, o próprio ato de conseguir organizar sua casa já traz a sensação de recompensa e autossuficiência. Dessa forma, é certo quando Marie Kondo afirma que o KonMari é um método de organização emocional e energética que vai além das coisas. E, que, ao desintoxicar sua casa, você desintoxica seu corpo e mente através do autodiálogo e da gratidão envolvidos no processo.

marie kondo

Nessa altura, você deve estar [email protected] para aderir ao método, ou [email protected] por não o querer. A verdade é que quando tratamos de organização, arrumação e faxina, precisamos ficar atentos para não transformar um hábito que podia ser legal em mania ou compulsão. Superestimulados pelas redes sociais, podemos acabar culpados por nossas bagunças. Quando, na verdade, é tudo uma questão de equilíbrio e deve ser feito de forma consciente, a partir de boas doses de reflexão e respeitando seus limites.

Que tal se perguntar se o próprio método te desperta alegria? No caso de resposta negativa, desapegue da ideia e siga sua vida do seu jeitinho. Mas, não esqueça de antes agradecer!

 

Quer desapegar? Queremos muito dar um novo destino àquela peça que você já não usa mais. Veja aqui como vender suas peças na Arara.

 

Leia também: Spring cleaning: o que é e por que fazer

 

Comentários
pingbacks / trackbacks

Deixe um Comentário

Entre em contato!

Envie uma mensagem que responderemos o mais rápido possível.

0

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar